O Colégio
Ínicio / O Colégio

O Colégio Paula Frassinetti é uma das instituições de ensino mais sólidas de nossa querida São Sebastião do Paraíso, teve início com um acontecimento muito interessante. 

Em 1924, o Comendador João Vilela de Figueiredo Rosa, residente em São Sebastião do Paraíso, havia matriculado suas filhas: Helena, Lourdes e Cecília, no Colégio Santa Doroteia na cidade de Pouso Alegre – MG, recebeu um aviso urgente que sua filha Helena estava doente. Como nesta época as estradas e os meios de transportes eram precários e a viagem longa e cansativa, as irmãs Doroteias resolveram levar, às pressas, a filha do Comendador para a cidade de Campinas – SP, pois a jovem sofria com uma apendicite e não havia tempo para esperar.

Quando o Comendador João Vilela de Figueiredo Rosa chegou ao Colégio em Pouso Alegre, a filha já havia sido operada com sucesso e passava bem. A situação estava resolvida, o que lhe causou satisfação, devido à dedicação das Irmãs.

De volta a São Sebastião do Paraíso, numa roda de amigos, onde estavam presentes o Monsenhor José Felipe da Silveira, pároco da Igreja Matriz de São Sebastião do Paraíso, Francisco Salles Naves e Gustavo Godinho (que viriam a ser os benfeitores do futuro Colégio Paula Frassinetti), o Comendador contou o acontecido e elogiou bastante a atitude e eficiência das Irmãs Doroteias de Pouso Alegre. Num dado momento o Comendador comentou sobre o desejo de trazer as Irmãs Doroteias para a cidade. Imediatamente, Monsenhor Felipe afirmou ser uma ideia abençoada, e que tudo faria para que houvesse um Colégio das Irmãs Doroteias em São Sebastião do Paraíso.

Após esta conversa entre amigos, o Monsenhor Felipe obteve o endereço da Casa Geral das Irmãs de Santa Doroteia da Frassinetti em Roma e, apressou-se em escrever à Madre Geral, solicitando a fundação de um Colégio em São Sebastião do Paraíso, que beneficiaria toda região.

Enquanto isso, uma jovem Irmã residente na Casa Geral em Roma, do outro lado do Oceano Atlântico, na Itália, teve sonho onde Santa Paula Frassinetti aparece abrindo o mapa e aponta para o Brasil, apontava para um local onde havia os dizeres: São Sebastião. A Madre Fundadora com voz suave disse à jovem: “Minha filha, diga amanhã à Madre Superiora que eu desejo um Colégio nesta cidade”. No dia seguinte a Irmã, obedecendo o que lhe havia sido recomendado em sonho, deu o recado à Madre Superiora, que muito se interessou e disse: “Mas, onde está São Sebastião? Seria no Rio de Janeiro? Nessa cidade já temos Colégio”. A Irmã que havia sonhado, disse: “Não. Madre Fundadora mostrava um ponto em Minas Gerais”. Ao procurarem no mapa, as Irmãs não encontravam a referida cidade, porém, naquela mesma semana chegou uma carta do Brasil de Monsenhor Felipe solicitando a fundação de um Colégio em São Sebastião do Paraíso-MG.

Ao receber esta carta, a Madre Geral, sem demora, comunica-se com a Madre Henricheta Cesari, Provincial do Brasil e esta transmite a ocorrência à Madre Maria das Dores Lyra, Superiora do Colégio de Pouso Alegre – MG, pedindo-lhe que fosse até São Sebastião do Paraíso, verificar a possibilidade de se fundar um Colégio nessa cidade.

Assim, se deu o início da fundação desse Colégio, inaugurado em 27 de janeiro de 1925, sendo sua primeira Diretora Irma Lyra, iniciou suas atividades em 16 de março do mesmo ano. Obteve seu reconhecimento pelo Sistema Federal - 1º Ciclo – Portaria 352 de 25 de abril de 1958; Sistema Estadual – Decreto nº 7051 de 04 de dezembro de 1925. Para o 2º Ciclo - Decreto nº 2416 de 15 de fevereiro de 1947, ocasião em que se acrescentou a palavra “normal” à denominação do Estabelecimento. De acordo com a Lei Federal nº 5692 de 11 de agosto de 1971, este Estabelecimento voltou à denominação antiga, Colégio Paula Frassinetti, e atualmente, funciona conforme a Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional – Lei nº 9394/96 .

O Colégio  Paula  Frassinetti   tem  como  Entidade  Mantenedora,  a Congregação de Santa Dorotéia do Brasil - Sul,  situada na rua Álvaro Neto, 395 – Vila Mariana – São Paulo/SP – CEP: 04112-070, de direito privado, sem fins econômicos, filantrópicos, com personalidade jurídica, fundada em 23 de dezembro de 1914 e registrada sob o número de ordem 705, do Livro “A” nº 9 do Registro de Pessoas Jurídicas, à folha 147, em 30 de junho de 1957, no 1º Cartório de Títulos e Documentos.

Caracteriza-se como instituição de ensino filantrópica, sem fins lucrativos, confessionalmente católica, isenta de qualquer posicionamento político partidário e tem como objetivo principal ministrar os diversos níveis da educação básica com fiel observância dos objetivos fixados na legislação própria e neste Regimento. 

Oferece os cursos de Educação Infantil (do Maternal -2 anos- ao 2º Estágio), Ensino Fundamental (1º ao 9º ano) e Ensino Médio (1ª a 3ª série). Conta também com os Serviços de Orientação Religiosa, Pedagógica, Educacional, disciplinar e Administrativa. 

Possui uma bem equipada biblioteca, quadras esportivas, piscinas, parques infantis, sala de informática, laboratório de ciências, salas de aulas com recursos multimídia (lousa digital, sistema de som e internet), salas específicas para Educação Infantil e 1ºs anos do Ensino Fundamental, teatro, ampla área verde, sala de festas, sala de Formação Humana e Cristã,  sala de convivência.

O Colégio Paula Frassinetti presta um grande serviço à sociedade paraisense, educando seus filhos pela via do Coração e do Amor. Com firmeza e suavidade, estimula a prática da justiça e da fraternidade, favorecendo o exercício da cidadania e procura confirmar a palavra com o testemunho de vida.